Sobre mim e sobre mudança

Crisfotoporto

O meu nome é Cristina, sou do Porto, sou mãe da Sofia e do João e a minha formação é no campo da Gestão. Dou aulas no ensino superior nesta área e dirijo uma pequena empresa de consultoria e formação. Tenho vivido no mundo das empresas, das universidades, no ritmo acelerado que vai sendo imposto pelo exterior, que vou aceitando e a que vou respondendo. Esqueci, demasiadas vezes, de serenar e de me escutar.

No final de 2014, a vida quis falar-me. Sacudiu-me! Uma circunstância crítica obrigou-me a reequacionar prioridades!

O que nessa altura me pareceu uma bomba nas mãos, hoje vejo como uma bênção. Abriu-me um caminho novo, que estava latente, mas que era ignorado ou abafado. A Mudança não acontece num clic, não funciona assim, mas sinto-me renovada! E não é só uma sensação… houve um conjunto de novos hábitos, daqueles que antes não passavam de boas intenções no início de um Ano Novo, que entraram definitivamente na minha vida:

  • Alimentação

Desde o início de 2015, retirei a carne do dia-a-dia, diminui o consumo de alimentos processados e passei a privilegiar: frescos (legumes, fruta, peixe e marisco), biológicos (não sempre mas sempre que possível), superalimentos (chia, goji, linhaça, clorela, espirulina, açaí….)

Troquei as palavras DIETA e CALORIAS pelas palavras NUTRIÇÃO, FRESCURA e SABOR.

Não sou fundamentalista, não quero ser, mas escolho em consciência. Às vezes questionam-me sobre como é possível eliminar o prazer da boa comida, mas não foi isso que fiz. A verdade é que retiro um imenso prazer da nova forma de me alimentar!

  •  Exercício

Fiz ballet em criança, dança e aeróbica na adolescência e, a partir daí, o ginásio, e as mais diversas modalidades, foram entrando e saindo da minha vida, com longas temporadas de ausência total. No meu 6º ano fiquei em último lugar numa corrida de corta-mato.

É esta mesma pessoa, na nova versão, que hoje vai ao ginásio diariamente entre segunda e sexta e corre pelo menos 5 kms em 3 desses dias. Uma vez por semana faço uma aula com o Jorge Dias, o meu PT. Comecei a fazê-lo para recuperar de uma cirurgia mas agora não dispenso por nada. TOP, o Jorge!

Em 2015 participei (e concluí) duas corridas no Porto: uma de 10Km, outra de 15Km. Ambição para 2016: a meia maratona, em setembro!

  • Meditação

Espiritualidade, para mim, é muito diferente de religião. Nasci e cresci no seio de uma família católica e segui o percurso normal de uma católica. Acredito, acima de tudo, no potencial humano e que somos muito mais do que aquilo que à primeira vista aparentamos. Acredito numa Força maior!

Iniciei a prática diária da meditação no início de 2015, primeiro de forma totalmente autodidata e “pouco consistente” no que toca a método. No final desse ano fui a Londres aprender uma prática meditativa de 21 minutos que incorporei na rotina a partir daí.

Anúncios